Projeto

Museologia Social

As 34 comunidades de Icapuí são testemunhas vivas de uma história e de uma cultura ricas de significados e representações, visíveis no seu patrimônio arquitetônico, na poesia e na música, no artesanato das rendeiras, na culinária e em tantas outras manifestções artísticas que definem o perfil e a identidade do município.

Alguns de seus aspectos mais relevantes são encontrados na linha da vida  de cada comunidade, na tradição oral transmitida de geração a geração e nos pequenos museus, mantidos por alguns de seus habitantes comprometidos com a conservação da memória de seu povo como Josué Crispim na Ponta Grossa, os “gêmeos” na comunidade de Morro Pintado, a residência da família Rebouças em Peixe Gordo, com a casa de farinha e alambique, e o museu da resistência latino-americana na casa paroquial. Através desse passado presente, o povo de Icapuí maném os olhos no futuro com a sabedoria vivida e aprendida com seus antepassados.


Galeria



Outros projetos