Icapuí: Tremembé, Ponta Grossa e o turismo comunitário

Aproveitei o fim de semana prolongado para uma visita a Icapuí, município litorâneo no extremo leste do Ceará. Conheci duas pousadas da rede Tucum (turismo comunitário). A característica principal desse tipo de turismo é o respeito às comunidades e ao meio ambiente, acomodações simples (porém limpas); comida decente e preço justo. Fiquei hospedado na pousada Tremembé e visitei as barracas e a pousada de Ponta Grossa.

Padre

Padre Lopes, pároco de Icapuí (e amigo de longa data), faz parte da rede Tucum, sendo um dos responsáveis pela pousada Tremembé. Ele costuma visitar toda noite o local; conversa com os hóspedes e os convida para uma visita à casa paroquial, onde explana sobre o o turismo comunitário e tem-se a oportunidade de ver as salas forradas de cartazes contando a luta dos povos latino-americanos.

De Olho na Água

Conheci também o projeto De Olho na Água, que faz um trabalho de preservação ambiental. O projeto é tocada pela Fundação Brasil Cidadão, com a parceria da Associação Caiçara de Promoção Humana – e com patrocínio da Petrobras.

Em sua sede é possível ver um pouco do trabalho, com guias que o acompanham em uma passarela que passa do meio do mangue e serve para estudos e visitas.

Livros

Pode-se também adquirir três livros bem interessantes “Aves costeiras de Icapuí”, “Mamíferos de Icapuí” (incluindo os marinhos) e “Guias de plantas visitadas por abelhas na caatinga”. A propósito, o projeto está incentivando a criação da abelha jandaíra, que está desparecendo do cerrado.

[Além das prais citadas, você ainda pode ver em Icapuí várias outras prais, como Redonda, Requenquela, Barreiras, Barrinha de Mutamba, cada uma com seu encanto.]

♦ Icapuí fica a 215 km de Fortaleza. Para se chegar à pousada Temembé roda-se dois km em estrada carroçável, na qual transitam carros sem tração.

Fonte: http://blog.opovo.com.br/pliniobortolotti/icapui-tremembe-ponta-grossa-e-o-turismo-comunitario/#comments

Leia também